O que fazer antes, durante e depois

30 outubro, 2006 at 2:17 am Deixe um comentário

Época São PauloA revista Época nº438 circulou, em São Paulo, com uma edição especial sobre educação, voltada para o Vestibular 2007, que trazia “um guia de 109 faculdades em São Paulo”. Essa revista dá boas dicas para quem vai fazer vestibular, mas uma matéria me chamou especial atenção: Mostre seu currículo oculto, escrita por Christiane Brito e Pedro Henrique França, diz que “ser um aluno curioso e atento (…) é essencial para uma formação básica sólida”. Mas ela lembra ao estudante que isso não é o bastante. “O hábito da leitura, freqüentar museus, ler jornais e gibis* assistir a programas de TV a cabo, ir bastante ao cinema, escrever um diário ou fazer um curso de teatro são atividades que proporcionam uma visão ampla e receptiva da vida”, complementa a matéria. E é verdade. O tal currículo oculto é útil às mais diversas profissões. A matéria selecionou seis delas e Jornalismo está entre as escolhidas. Como não achei esse texto na internet, reproduzo abaixo a parte referente a essa profissão com sete comentários pessoais.De qualquer maneira, não deixem de visitar o site da revista Época periodicamente.*(N.R: Revistas de quadrinhos ou “arte seqüencial”, como o mestre Will Eisner assim desejava)O que você deve fazer antes, durante e
depois de entrar para uma faculdade de
JORNALISMO

Antes
> Coloque os jornais e revistas na sua vida cotidiana
O estudante de jornalismo tem que ter um repertório de informações acima da média. Ter a assinatura de um jornal diário ou revista semanal é obrigatório*(1). Rache o custo com amigos e compartilhe as publicações. Na internet, há várias newsletters online que você pode assinar gratuitamente. Esse é um bom caminho para tomar gosto pela notícia e conhecer diferentes estilos de redação.

> Escreva muito
Você pode começar por um diário. Isso não é coisa de adolescente não, é coisa de escritor: Carlos Drummond de Andrade foi um dos que revelaram ter mantido diário quase a vida inteira. Para melhorar ainda mais o estilo, você pode fazer curso de redação criativa. *(2)

> Faça curso de inglês
Jornalistas que não falam inglês, hoje, têm opções restritas no mercado. No futuro, inglês será pré-requisito de toda contratação. Para melhorar o ouvido e ampliar o vocabulário vire um devorador de séries e filmes legendados na TV a cabo. Aproveite o recurso dos DVD players e coloque legenda em inglês para acompanhar os diálogos. É excelente para afinar o ouvido e a leitura. O importante é falar e entender.

Durante
Curse um segundo idioma
> Saber duas línguas estrangeiras é uma vantagem. Espanhol, italiano e francês são boas opções. *(3) 

Faça um curso que desenvolva o pensamento crítico
> O jornalista tem de apresentar opinião embasada em argumentos consistentes. Cursos de extensão em política e ciências sociais podem ser uma boa pedida. Filosofia também.

Faça estágio
> Jornalismo não é só teoria. Quem nunca viveu a pressão do prazo apertado de um fechamento de revista ou jornal ainda não sabe o que e´ser jornalista. *(4)

Depois *(5)
> Curse outra faculdade na área de humanas
O jornalista sai da faculdade conhecendo, principalmente, técnicas de produção de conteúdo para vários meios de comunicação. Daí a necessidade de uma segunda formação acadêmica, na qual possa se aprofundar num campo do conhecimento. Muitos optam por Ciências Sociais, Letras ou História. Também pode ser um mestrado, afinal, qualquer semelhança entre a pesquisa acadêmica e a boa reportagem não é mera coincidência.

> Faça curso de especialização
Se voltar ao banco de uma faculdade não está nos seus planos, então parta para um curso de especialização na sua faculdade ou em outras faculdades de jornalismo. Entidades como a Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje), Comunique-se*(6) e Associação Brasileira das Agências de Comunicação (Abracom) também oferece cursos de especialização *(7). Pesquise os sites.
Saindo das águas brasileiras, você pode acessar www.universia.com.br e pesquisar as opções em cursos das 985 faculdades de dez países reunidas no site.

Fonte: Welington Andrade, coordenador de ensino de jornalismo da Faculdade Casper Líbero

————— Comentários:

1 – Não diria que “ter a assinatura de um jornal diário ou revista semanal é obrigatório”, até porque, o ideal é ler e comparar diversas publicações. Por isso a dica de compartilhar publicações é muito mais importante. Mas leia diariamente! Leia muito!

2 – Crie um blog e procure comentar assuntos atuais e importantes e também escreva sobre temas que você domina.

3 – Mandarim também.

4 – Eu costumo dizer que quem não passou por uma redação de jornal, de preferência diário, não é um jornalista completo.

5 – Pouca gente se estimula a fazer uma segunda faculdade, ou por falta de dinheiro ou de motivação. Dê mais atenção a cursos de aperfeiçoamento e dentro da área onde você vai se especializar como jornalista. Ou então passe alguns meses em outro país. Isso, algumas vezes, pode valer mais do que uma segunda faculdade.

6 – Na verdade, o Comunique-se não é uma entidade, é um site. Ou melhor, é um “portal brasileiro totalmente voltado para profissionais de comunicação“. E, como está publicado no próprio site, sua missão é “divulgar notícias de bastidores do mercado jornalístico brasileiro, colocar em discussão aspectos práticos e éticos da profissão, além de fornecer ferramentas de apoio para o trabalho diário dos jornalistas de todo o país.”

7 – A matéria esquece de mencionar a quase centenária Associação Brasileira de Imprensa, a casa do jornalista. Um entidade que sempre lutou pela liberdade de imprensa e pela democracia no Brasil. Neste ano a Associação criou alguns cursos de especialização.

Anúncios

Entry filed under: Imprensa, Leia.

A turma é mesmo boa! É hoje!!!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Tópicos recentes

Feeds


%d blogueiros gostam disto: